quinta-feira, 26 de abril de 2012

Estudo bíblico - Comunhão Cristã 2 - O Ágape da Igreja

Era uma ocasião de comunhão especial, uma grande festa, era o ágape dos cristãos primitivos em que que havia uma refeição e o lava-pés, como sinal de humildade e união entre os cristãos primitivos. 

É a união de propósitos em torno de um bem comum.

Para muitos Cristãos os termos Comunhão e Ceia do Senhor são sinônimos.

1- Comunhão - Mas, se andarmos na luz, como ele na luz está, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus Cristo, seu Filho, nos purifica de todo pecado. (I Jo 1:7).
A celebração da Ceia do Senhor foi originariamente instituída por ocasião da Celebração da Páscoa .

E ele lhes respondeu: Ide à cidade ter com certo homem e dizei-lhe: O Mestre manda dizer: O meu tempo está próximo; em tua casa celebrarei a Páscoa com os meus discípulos. E eles fizeram como Jesus lhes ordenara e prepararam a Páscoa. Enquanto comiam, tomou Jesus um pão, e, abençoando-o, o partiu, e o deu aos discípulos, dizendo: Tomai, comei; isto é o meu corpo. A seguir, tomou um cálice e, tendo dado graças, o deu aos discípulos, dizendo: Bebei dele todos; 28porque isto é o meu sangue, o sangue da [nova] aliança, derramado em favor de muitos, para remissão de pecados.

 Mateus 26:18-28 -Lançai fora o velho fermento, para que sejais nova massa, como sois, de fato, sem fermento. Pois também Cristo, nosso Cordeiro pascal, foi imolado. Por isso, celebremos a festa não com o velho fermento, nem com o fermento da maldade e da malícia, e sim com os asmos da sinceridade e da verdade.Nesta ocasião o pão e o vinho tornaram-se símbolos de seu corpo e de seu sangue.

Corintios 5:7-8 Era o ágape dos cristãos primitivos – Era uma ocasião de comunhão especial,uma grande festa,que havia uma refeição e o lava-pés, como sinal de humildade e união entre os cristãos primitivos. 

Mas no decorrer dos anos tornaram-se uma festa onde só comiam e embriagavam-se, estes abusos obrigaram ao cancelamento das refeições. Quando, pois, vos reunis no mesmo lugar, não é a ceia do Senhor que comeis. Porque, ao comerdes, cada um toma, antecipadamente, a sua própria ceia; e há quem tenha fome, ao passo que há também quem se embriague. Não tendes, porventura, casas onde comer e beber? Ou menosprezais a igreja de Deus e envergonhais os que nada têm? Que vos direi? Louvar-vos-ei? Nisto, certamente, não vos louvo. I Corintios 11:20-22

Estes homens são como rochas submersas, em vossas festas de fraternidade, banqueteando-se juntos sem qualquer recato... Judas 1:12 A participação do pão e do vinho continuou até os dias atuais.
A prática da refeição separada associada a Santa Ceia parece ter cessado a partir do século VII D.C.

Conclusão: A comunhão era momentos de união entre os irmãos e celebração à Deus. A comunhão é a união do Corpo de Cristo que somos nós em torno da mesa do Senhor.

Sigamos o exemplo que Ele nós deixou: Tende em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, pois ele, subsistindo em forma de Deus, não julgou como usurpação o ser igual a Deus; antes, a si mesmo se esvaziou, assumindo a forma de servo, tornando-se em semelhança de homens; e, reconhecido em figura humana, a si mesmo se humilhou, tornando-se obediente até à morte e morte de cruz. Filipenses 2:5-8.
 
O mundo era reconhecer que somos servos de Deus, se nós amarmos verdadeiramente uns aos outros.


Liberado para cópia e compartilhamento desde que cite o autor e o Link para postagem.
José Costa
Blog do Pr José Costa
http://blogdoprjosecosta.blogspot.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça seu comentário: