sexta-feira, 17 de maio de 2013

Aberrações Nos Cultos...Forçar o Texto Bíblico Para Agradar os Crentes!


O que tem acontecido no meio evangélico tem sido algo estarrecedor, chego até a não acreditar no que se faz em nome de Deus, com relação aos pseudos pregadores e cantores Gospel!  Tem pastores e cantores que para pregar ou cantar  exige caches que chegam a mais de R$100.000,00 por evento, e são verdadeiros "pop star", alguns já tem até fã clube e a idolatria é notória em muitos dos casos.
Exigem carros particulares com motoristas e só hospedam em hotéis cinco estrelas.
Só existem este tipo de pregadores e cantores porque tem pastores que apoiam este tipo de mercantilismo religioso e não duvido se não estão lucrando com isto.
 
E muitos seguirão as suas dissoluções, pelos quais será blasfemado o caminho da verdade; e, por avareza, farão de vós negócio com palavras fingidas; sobre os quais já de largo tempo não será tardia a sentença, e a sua perdição não dormita. II 2:2,3

Vem Jesus e expulsa os vendilhões do templo!
 
Já estou enojado com tanto comércio e petição de dinheiro nos cultos, os quais com raríssimas exceções é só cantarola; tem culto que se canta mais de vinte "louvores"coloco entre aspas porque na maioria das vezes ele enaltece mais o ego dos ouvintes do que o nome do Senhor Jesus.
 
Estão pregando e cantando para impressionar as massas, que aglomeram para ouvi-los com suas mensagens "inéditas"...requentadas e pregadas centenas de vezes em lugares diferentes!
  
Agora estão inovando e "forçando" os textos bíblicos, querendo ser mais espirituais do que o seus concorrentes em termos de visões e revelações espirituais.  
A concorrências e a competição tem sido grande, cada um quer apresentar uma novidade para o povo, pois a massa quer novidade.
 
Muitos crentes gostam de contar e ouvir novidades, estão como os moradores de Atenas dos tempos do Apostolo Paulo.
 
É que todos os moradores de Atenas e os estrangeiros que viviam ali gostavam de passar o tempo contando e ouvindo as últimas novidades. Atos 17:21
 
O desejo de pregar grandes sermões e mensagens inéditas tem levado pessoas a usarem textos Bíblicos fora do contexto com interpretações absurdas recheadas de fantasias antibíblicas.
Pois haverá tempo em que não suportarão a sã doutrina; pelo contrário, cercar-se-ao de mestres segundo as suas próprias cobiças, como que sentindo coceira nos ouvidos; e se recusarão a dar ouvidos à verdade, entregando-se às fábulas. 2 Timóteo 4;3,4
 
Mas rejeita as fábulas profanas e de velhas caducas. Exercita-te, pessoalmente, na piedade. I Timóteo 4:7
Tem muitas novidades, a ultima vi num vídeo o qual estou postando abaixo, é demais da conta como diria o meu conterrâneo mineiro!
 

Pregadores querendo reforçar a teologia da prosperidade em seu próprio beneficio para dar ênfase as suas pregações e pretensões forçam o texto e sua interpretação.
Dizem que que Jesus era rico e tinha até casa de praia de frente para o mar e da boa!
 
Logico que Jesus poderia ter casa de praia pois morava em uma cidade litorânea, mas dizer que Jesus era empresário do ramo de movelaria e que construía uma mesa com quatro cadeiras num piscar de olho é demais.
 
Acredito que Jesus pode fazer mais do que isto, mas ELE não ficava em sua terra brincando de fazer milagres, usar livros apócrifos para dizer que; no período dos doze anos aos trinta anos Jesus assumiu a carpintaria de seu pai  José é forçar demais o texto.
 
Clique no vídeo e confira!
 
Em nossos dias temos observado vários pregadores pregando para impressionar as massas que se aglomeram em grandes eventos, onde há um espírito de competição entre pregadores, para saber quem prega melhor, tem tirado do povo a noção da verdadeira pregação.
Seus sermões são cheios de frases de efeito como: “pentecostal que não dá glória, está com defeito de fabricação”; “olha no olho de seu irmão e diz...”; “ levanta a mão e dá glóoooooooooriaaaaaaaaaa”; “ tô vendo um anjo”; fala para o diabo...” (crente falando com o diabo?) e outras brincadeiras.
Posso até ser taxado de frio, sem unção, até podem até ofenderem os nossos irmãos presbiteriano e me chamar de "sorveteriano".
 
Sou pentecostal, creio no poder de Deus e na revelação bíblica.
 
Portanto, meus irmãos, o que é que deve ser feito? Quando vocês se reúnem na igreja, um irmão tem um hino para cantar; outro, alguma coisa para ensinar; outro, uma revelação de Deus; outro, uma mensagem em línguas estranhas; e ainda outro, a interpretação dessa mensagem. Que tudo seja feito para o crescimento espiritual da igreja.I Coríntios 14:26
 
Em tudo que falei, tem suas exceções.
Existem ainda pastores sérios que pregam a genuína palavra de Deus e cantores que realmente louvam a Deus como verdadeiros adoradores, não visando lucros financeiros.
 
Para estes que não se encurvaram ao deus mamon, o meu apoio!
 
Ora, estes de Beréia eram mais nobres que os de Tessalônica; pois receberam a palavra com toda a avidez, examinando as Escrituras todos os dias para ver se as coisas eram, de fato, assim. Atos 17:11
 
Mas sejamos como os irmãos Bereanos, vamos examinar as escrituras, para ver se o que os pregadores falaram estão nas escrituras.
                                                                        
                                                      Pr José Costa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça seu comentário: